Panorama Internacional Afro Brasileiro

 

Panorama Internacional AFRO BRASILEIRO de Arte, Cultura e Educação (Brasil x Itália)

Um programa de atividades voltado para a Implementação da Década Internacional dos Afrodescendentes, proposto pelo IABACE Instituto Afro Brasileiro de Artes Cultura e Educação/BR em colaboração com o SPAZIOSEME – Centro Artistico Interrnazionale/IT.

Uma década dedicada aos povos de ascendência africana!

A Assembleia Geral da ONU proclamou o período entre 2015 e 2024 como a Década Internacional dos Afrodescendentes (resolução 68/237) citando a necessidade de reforçar a cooperação nacional, regional e internacional em relação ao pleno aproveitamento dos direitos econômicos, sociais, culturais, civis e políticos das pessoas de matrizes afrodescendentes, bem como sua participação plena e igualitária em todos os aspectos da sociedade.

Tal como foi proclamada pela Assembleia Geral, o tema para a Década Internacional dos Afrodescendentes é “reconhecimento, justiça e desenvolvimento”.

O IABACE é uma plataforma cultural especializada nas danças, expressões e manifestações populares afro-brasileiras, reconhecida pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia CCPI – 2010 e pelo Conselho Internacional de Dança CID/UNESCO – 2014, através do seu Programa de Certificação Internacional em Arte e Cultura Afro Brasileira – AFROSSÁ BDC “Brasil Dance Concepts”.

Nossos membros e colaboradores são indivíduos e instituições comprometidos com o desenvolvimento da cultura, a promoção e a preservação da diversidade e o fortalecimento das comunidades culturais.

Maiores informações: em breve!

Afrossá – percorso di danza afro brasiliana

Un progetto volto alla promozione e valorizzazione della cultura Afrobrasiliana in Italia, nato dalla collaborazione tra l’ Associazione Casa do Brasil em Florença (Via del Fiorino 17 – zona San Donato – Novoli) e l’ IABACE – Instituto Afro Brasileiro de Artes Cultura e Educação CID/UNESCO che organizzano in esclusiva a Firenze un ciclo di incontri con la finalità di
trasmettere le modalità e i linguaggi espressivi/corporali della Danza Afrobrasiliana proveniente dalla città di Salvador di Bahia. Vista l’ ampiezza e l’ importanza degli stili di danza presi in considerazione abbiamo deciso di intraprendere un percorso di approfondimento costituito da cinque incontri con la possibilità di acquisire un bagaglio di conoscenze e linguaggi che possa sviluppare un vero e proprio percorso personale a ciascun partecipante.
Un seminario rivolto a tutti coloro che vogliano approfondire e sviluppare la propria
espressività corporale al suo massimo potenziale.

  • Programa em Dança e Expressões Culturais Afro Brasileira – AFROSSá BDC. 

    AFROSSÁ – BDC è un programma di danza e musica afro-brasiliana, diretto a coloro che desiderano scoprire il loro massimo
    potenziale artistico / culturale.
    Il percorso durerà 10 ore, suddivise in cinque appuntamenti, ciascuno
    di 2 ore, nei giorni:

    – MARZO:
    * Sabato 24, alle ore 18:00 (lezione extra per i partecipanti al corso)
    – APRILE:
    Sabato, 7 e 21 alle ore 14:30.
    – MAGGIO:
    Sabato, 05 e 19 alle ore 14:30.
    – GIUGNO:
    Sabato 02, alle ore 14:30

    “AFROSSÁ BDC è l’unico programma di danza afro-brasiliana riconosciuto dal Consiglio Internazionale della Danza CID /
    UNESCO, in grado di offrire un certificato riconosciuto da scuole, centri culturali, associazioni e compagnie di danza in oltre 155
    paesi, in tutto il mondo.

    Registrazione tramite il link:
    http://www.iabacebahia.com/areadoaluno/

 

Corpo sagrado: la cultura afrobrasiliana al Black History Month

In occasione della terza edizione del Black History Month in Florence, l’associazione Awasé torna a Firenze per un nuovo evento sulla cultura afrobrasiliana!

Vi aspettiamo Sabato 23 Febbraio alle ore 17:30 presso il
Museo Istituto di Preistoria “Paolo Graziosi” in via dell’Orioulo 24 (primo piano) per l’incontro:

“Corpo Sagrado: dialogo sulle esperienze artistiche e terapeutiche afrobrasiliane” con:

Carlos Ujhama, IABACE/CID UNESCO
Graziele Sena, Open Program- Workcenter of Jerzy Growtoski and Thomas Richards
Heliana Ignácio Sacco, psicoterapeuta transculturale e transpersonale
modera: Elena Gengaroli, ass. Awasé

https://www.facebook.com/events/417461355353032/

AFROSSÁ SUMMER PROGRAM 2018

O INSTITUTO AFRO BRASILEIRO DE ARTES CULTURA E EDUCAÇÃO oferece uma programação especial de cursos e atividades complementares ao Programa de Certificação Internacional em Arte e Cultura Afro Brasileira – AFROSSÁ BDC.
 
Trata-se de uma maneira rica de desenvolver e fortalecer os laços da instituição com toda a sua comunidade, a nível nacional e internacional.

Serão 4 semanas de muitas atividades, dança, música, diversão e conhecimento!

Acesse o evento em nossa pagina do FACEBOOK, para conhecer todos os detalhes, horários e a equipe de profissionais que preparamos para você!

Evento Facebook – Afrossá Summer Program

 INSCRIÇÕES ABERTAS!

VAGAS LIMITADAS!

Informações: info@iabacebahia.com

CADASTRO: “aréa do aluno 

1º Seminário e Mostra Artística GIRA – “Homenagem a Mestre King”

1º Seminário e Mostra Artística GIRA- Grupo de Pesquisa em Culturas Indígenas, Repertórios Afro-brasileiros e Populares. “Homenagem a Mestre King”

PROGRAMAÇÃO:

Oficina Dança de Afro-Fusão com Augusto Soledade. Dias 12, 13 e 14 de dezembro.
Local: Teatro Experimental. Horário 9:00 – 12:00.

DIA 15 DEZEMBRO 2017 (SEXTA-FEIRA)
Manhã
8:30 h as 8:45 – Toques de abertura e salva ao homenageado Raimundo Bispo dos Santos – Mestre King
8:45h às 11:30 h – Gira de conversas e movimentos – ” Memória dos Grupos de Danças Folclóricas e Populares, concepções e perspectivas estéticas”
Convidados:
Emília Biancardi – Profa. e etnomusicóloga
“Dançarinas de Terreiro” performance com a dançarina Milena Sampaio (UFBA)
Neuza Saad (Bebé)- Profa. Ufba e coreógrafa
Bambá – passagens do espetáculo
Repertório popular pelo Curso preparatório em Dança da Funceb – Prof.Márcio Fideles
Local: Teatro do Movimento
11:30 h – Exibição do documentário “Raimundos: Mestre King e as figuras masculinas da dança na Bahia” direção de Bruno de Jesus
Local: Foyer da Escola

Intervalo

Tarde
14:30 h as 17:30h – Gira de conversas e movimentos – “Pensamento Negro na dança: formas de ensino e poéticas políticas”
Convidados:
Ana Célia da Silva – Profa.Dra.(Uneb)
Emergências – Corpos negros. Qual beleza? por Tícia Britto (Ufba)- intérprete criadora
Edileusa Santos – Profa. e Coreógrafa (Ufba)
Solo de Iansã do Espetáculo Opaxorô de Mestre King, por Grazi Lopes – dançarina Grupo Gênesis
Local: Teatro Movimento

Intervalo

Noite
19:00h as 20:00h-Mostra Artística Gira
Tupinambauch – intérpretes escola de dança (Ufba). orientador: Denny Neves
Missa do Sétimo Dia – artista Guego Anunciação (Ufba)
Experimento: negras utopias – Eduardo Guimarães, Bruno Novais e Dimmy Oliveira – intérprete criadores. Orientação: Fernando Ferraz
Performance pelo GEDAR- Grupo de estudos em dança de reis e rainhas de Blocos Afro – por Sueli Conceição – diretora do GEDAR e doutoranda da Uesc
Local: Teatro Movimento

20:00 as 22:00 h – Jham percussiva com participação de músicos e dançarinos afro
Local: Área externa da Escola de Dança

DIA 16 DE DEZEMBRO 2017 (SÁBADO)
8:30 as 9:30 h- Capoeira com o Coletivo Ginga de Angola – CM Sem Terra – Paulo Magalhães (UFBA)
9 as 12:00 h- Oficinas de Dança Gira e Gedar
Professores: Marilza Oliveira, Fernando Ferraz, Denny Neves, Amélia Conrado (Gira);
Sueli Conceição, Jedjane Mirtes e Daiana Ribeiro (Gedar – Dança de Blocos Afro)
Percussionistas: Mário Pan, Vinicius Minhoca e Rudenilson
Local: Teatro Experimental

Novembro das Artes Negras

NovembroArtesNegras

A Funceb vai homenagear o precursor da Dança Afro-Brasileira, nosso Mestre King! Dia 16, todos os caminhos levam à sede da Fundação (Pelô), para exibição de doc e reexibição de expo sobre este grande artista! Saiba tudo e venham celebrar conosco: https://goo.gl/jhSKme
#Artes #CulturaNegra #NovembroNegro

Novembro Negro – Funceb lança projeto Novembro das Artes Negras.

Em celebração ao mês da Consciência Negra, a Fundação Cultural do Estado/SecultBA (Funceb) lançará, este ano, o projeto Novembro das Artes Negras, contemplando a produção artística negra nas diversas linguagens. A Funceb promoverá, em novembro, uma série de atividades em Literatura, Artes Visuais, Dança, Audiovisual, Teatro, Música e Circo, abertas ao público, com destaque especial para a Sala King, espaço na sede da Fundação (Pelourinho) que abrigará atividades culturais. A Sala homenageia o dançarino e professor, Mestre King.

Novembro das Artes Negras chega com o propósito de visibilizar, potencializar e reconhecer as produções dos diversos agentes culturais negros do estado ao longo do ano, culminando com o Novembro Negro. Na programação, estará em destaque a convergência entre as artes, dialogando entre si com atividades transversais. Saraus poéticos, apresentações musicais, de dança e circenses, exposições, exibição e lançamentos de filmes, são algumas das ações envolvidas no projeto.

Com o Novembro das Artes Negras, a Funceb inaugura um novo diálogo e aproximação com artistas e produtores culturais negros e negras, promovendo a visibilidade e intercâmbio destas linguagens. A partir do dia 1º de novembro, com o lançamento do Núcleo de Pesquisa em Dança Afro, capitaneado pela Escola de Dança da Funceb, o Novembro das Artes Negras iniciou um ciclo de valorização e reconhecimento da Cultura Negra na Bahia, em suas variadas vertentes.

http://www.fundacaocultural.ba.gov.br/2017/11/12830/NovembroNegro-Funceb-lanca-projeto-Novembro-das-Artes-Negras-este-mes.html